quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

Prova de Resistência

Muitas vezes sofremos muito ao correr, ficamos desanimados, desmotivados, desistimos, etc...aqui vai uma dica q achei bem interessante!
Vamos entender um pouco do porque algumas coisas acontencem quando corremos...

Porque você para?
O fôlego está acabando e suas pernas doem. Isso acontece pq seu corpo precisa de mto combustível para dar conta do esforço e apelou para uma solução rápida. "O organismo ativa mecanismoa anaeróbicos (s/ consumo de oxigênio), q produzem energia em gde velocidade, mas que, em contrapartida, aumentam a liberação de ácido lático", diz Paulo Zogaib, prof de fisiologia do exercício na UNIFESP. O resultado desse processo é a sensação de queimação nas pernas e nos glúteos. Para remover o ácido lático, seu corpo produz bastante gás carbônico e precisa jogá-lo para fora, o que a deixa ofegante.

A solução
Com a onda hormonal q varre seu organismo e os batimentos cardíacos elevados, parar de repende seria como frear bruscamente um carro a 100 quilometros por hora."Desacelere por 5 min e retorne à velocidade precedente por outros 2. Com o tempo, vc será capaz de aumentar a duração da corrida e diminuir o descanso", afirma Cláudia. No fim do treino, alpngue a parte frontal da coxa e os glúteos: num pé só, puxe a outra perna para trás, trazendo o calcanhar em direção ao bumbum (segure na esteira para não dar pulinhos). Mantenha a posição por 20 seg p/ o estímulo atingir as fibras musculares. Faça séries de cinco seg e aumente o fluxo do sangue no tecido.

Fonte: WH - Jan/09

2 comentários:

Eduardo Acacio disse...

Muito boa a dica !!! Seu Blog esta ótimo !!!

Abraços e Sucesso !!!

Jorge disse...

---------\\\\|/---------
--------(@@)-------
---ooO--(_)--Ooo-
Amiga Grazzi, excelente dica, o corredor que faz longas distâncias também tem que preparar a mente, pois irá precisar muito, quando vier algum empecilho durante o percurso, por isso eu treino a minha mente, isso se chama psciologia e no atletismo, existe vários livros sobre o assunto, inclusive eu já li um que se chama TRAVESSIA do Dr. Antônio Presídio Neto de Salvador.
Valeu também por visitar o meu blog.

Um abraço e bons treinos.

Jorge Cerqueira